Contos de Maavalli

A Dívida de Haiath
Ambientação dos aventureiros a respeito da dívida que possuem com um mercador poderoso

Após passarem anos nas fazendas comunitárias de BurmaKin, vocês conseguiram a liberdade desejada e precisavam de emprego. Haiath, um mercador de produtos agrícolas, lhes prometeu um trabalho na capital Kuni. Era uma excelente oportunidade considerando que não havia emprego onde estavam. Há cerca de 2 meses vocês se mudaram para a cidade com a ajuda de Haiath. Entretanto, a mudança e acomodações custaram um preço alto demais.

Atualmente, vocês devem 1000 peças de ouro cada um para Haiath. Além disso, o custo mensal para cada um com aluguel de um quarto na área mais pobre da cidade e três refeições por dia custam 30 peças por dia. O trabalho oferecido por Haiath nada mais é que o seu serviço sujo (cobrar pessoas, ameaçar pequenos comerciantes, procurar por pessoas e serviços de guarda-costas). O preço de tais serviços é sempre determinado por um agente de Haiath e o valor sempre é inferior ao custo de vida mensal.

Se rebelar contra essa situação não é uma opção agradável. Haiath é um mercador querido do senhor de BurmaKin, Foann. Se rebelar contra ele é o mesmo que se rebelar contra Foann. Além disso, nessa região da cidade, todos os comerciantes temem Haiath e por isso não há emprego se esse for o desejo do mercador. A opção de fugir para outro reino é praticamente inexistente. BurmaKin fechou as fronteiras com os reinos vizinhos desde a última guerra. A fronteira para o reino de LaosKin (cujo senhor é diretamente superior a Foann) é extremamente vigiada.

A cidade de Kuni é um centro importante de comércio nessa área do Reino. Possui um destacamento do exército do Reino considerável. A cidade possui sua área mais pobre voltada exatamente para a grande muralha. Há um grande rio que corta a cidade e passa por baixo da muralha. Nesse ponto, há barras de metal de certa de um metro de diâmetro que vão da muralha até o leito do rio. Nunca algum golem conseguiu atravessar esse ponto.

A cidade é famosa por suas construções simples mas bem acabadas e com o mesmo tipo de telhado. As construções possuem no máximo quatro andares e o ponto mais alto é a igreja matriz. A cidade é composta basicamente de ruas (a maioria pavimentada) e duas grandes avenidas em forma de cruz. A primeira parte do quartel general do exército e corta a cidade em direção à fronteira oeste do reino. A segunda liga as zonas norte e sul da cidade. No centro, há uma grande praça onde se encontram os prédios do governo. Há uma parte alta da cidade mais afastada (na zona leste) onde se encontram os mais abastados.

Após o café, vocês devem se dirigir para a praça central a pé para esperar por informações sobre as missões do dia.

View

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.